Shadow

Com suspensão de processos seletivos pelo coronavírus, candidatos devem se especializar, diz especialista em RH

Mesmo com cenário incerto, a dica é fazer cursos on-line e manter o LinkedIn em dia

Com os efeitos da pandemia de coronavírus, as perspectivas para a economia não são animadoras. E isso impacta diretamente nas novas contratações das empresas. No entanto, quem está na busca por recolocação no mercado ou quer trocar de emprego pode usar esse período de “quarentena” para se preparar para a retomada das contratações, fazendo cursos de aperfeiçoamento ou até mesmo dando um up no perfil do LinkedIn.

Segundo o professor de Gestão de Pessoas da FECAP e especialista em Gestão de Carreira, Marcelo Treff, a pandemia de coronavírus alterou a rotina dos recrutadores. “Algumas empresas pararam os processos seletivos, até porque são muitas dúvidas com relação à continuação da quarentena e, sobretudo, sobre a atividade econômica. Geralmente, em ‘tempos de crise’, as empresas suspendem os processos seletivos. No entanto, as empresas que, de alguma forma, precisam contratar, estão utilizando recursos on-line para realizar essas seleções, conta.

Mesmo com o cenário de indefinição e imprevisibilidade, para os candidatos que buscam uma vaga, a dica é se atualizar sobre a Economia e, sobretudo, sobre como as empresas estão lidando com a situação atual. Outra ferramenta que pode ajudar quem procura um trabalho é o LinkedIn. Segundo o especialista, a rede social de networking é a ferramenta mais utilizada pelos recrutadores atualmente.

Nesse cenário, outro conselho é usar o ‘tempo livre’ do isolamento para se reciclar e fazer cursos on-line. “Essas são as melhores alternativas no momento. Inclusive, muitos cursos on-line estão sendo disponibilizados, de forma gratuita. Minha dica é que a escolha dos cursos ou materiais de estudo estejam alinhados com a carreira ou atividade desejada pelo candidato”, opina.

E o que a crise do coronavírus pode deixar de lição? “Além de se preparar e se atualizar, as pessoas devem aproveitar o momento atual para refletir sobre questões espirituais, religiosas ou não, no sentido de buscar compreender as razões do surgimento desta crise atual e, sobretudo, refletir sobre as consequências futuras, buscando vislumbrar que o mundo pós-crise será muito diferente, em termos profissionais e pessoais. Devem compreender, também, que muitos processos e projetos que estavam em fase de migração serão acelerados profundamente, no médio e no longo prazos”, finaliza.

fonte: https://administradores.com.br/noticias/com-suspens%C3%A3o-de-processos-seletivos-pelo-coronav%C3%ADrus-candidatos-devem-se-especializar-diz-especialista-em-rh

Open chat
Clique na seta para digitar a sua mensagem